O

Prognóstico

O prognóstico é individualizado de acordo com as características do paciente acometido, sendo representada por:

  • Idade > 65 anos;

  • Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC), asma, pneumopatias estruturais;

  • Doença cerebrovascular;

  • Cardiopatias, incluindo hipertensão arterial severa;

  • Diabetes insulino-dependente;

  • Insuficiência renal;

  • Pacientes imunossuprimidos;

  • Gestante:

O paciente que apresentar 1 dessas características acima, é considerado grupo de risco, ou seja, mais sujeito a complicações ou até a letalidade relacionado ao vírus.